sábado, 12 de agosto de 2017

No duelo da melhor defesa contra o melhor ataque da Série B, o Inter vence o Londrina com três gols de zagueiros



Em um Beira-Rio lotado por mais de 36 mil torcedores, em maio à ação promocional alusiva ao Dia dos Pais, o Inter abriu a sua participação no segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro com uma vitória de 3 a 1 sobre o Londrina-PR. O resultado foi garantido com um gol do zagueiro argentino Victor Cuesta e um gol de seu colega de posição Klaus.
A vitória – a quarta consecutiva na competição – manteve o Colorado na vice-liderança, com 36 pontos, três atrás do América-MG. Já o Londrina, que havia perdido os dois últimos jogos, estagnou em 27 pontos, na décima-segunda colocação.
Na abertura do primeiro turno, no dia 13 de maio, o clube gaúcho havia batido os paranaenses por 3 a 0 no estádio do Café.
Na primeira etapa, o Inter parecia fazer o deve de casa, dominando o jogo, mas a bola não entrava. Eduardo Sasha teve dois momentos em que a torcida reclamou da arbitragem. Em um dos lances, cruzou e a bola tocou no braço do zagueiro dentro da área. A arbitragem não marcou nada. Antes Sasha havia invadido a área, foi travado na hora do chute e caiu, mas o juiz também não marcou pênalti.
Aos três minutos da segunda etapa, o jogo engrenou. D’Alessandro cobrou falta na cabeça de Víctor Cuesta, que desviou para o fundo das redes: Inter 1 X 0 Londrina. O mesmo D’Alessandro quase fez um gol olímpico, acertando na trave.
O bombardeio colorado, no entanto, não foi suficiente para barrar o Londrina, que seguiu tentando e em uma bobeada da defesa colorada conseguiu marcar. Bidía saiu livre, na frente de Danilo, e após passe de Artur, tocou para o gol aos 23 minutos, empatando a partida.
Mas ainda havia mais reservado para o Inter. Aos 33 minutos Camilo cobrou o escanteio e Klaus cabeceou para o gol, superando mais uma vez o Londrina. E foi ele de novo, aos 36, também de cabeça, e mais uma vez em bola batida por Camilo, que fez Internacional 3 x 1 Londrina.
Escalações
O Inter do técnico Guto Ferreira colocou em campo Danilo Fernandes, Cláudio Winck, Klaus, Victor Cuesta, Uendel, Rodrigo Dourado, Edenílson, D’Alessandro (Camilo), Eduardo Sasha, William Pottker (Nico López) e Leandro Damião.
Já o Londrina, sob o comando Cláudio Tencati, escalou César, Reginaldo, Gustavo, Edson Silva, Ayrton, Rômulo, Jardel, Bidía (William Henrique), Thiago Lopes (Rafael Gava), Arthur, Carlos Henrique (Welisson).

Nenhum comentário: