sábado, 8 de julho de 2017

Quadrilha explode agência bancária no Vale do Taquari e leva reféns na fuga



Criminosos explodiram uma agência bancária, na madrugada deste sábado (8), em Progresso, no Vale do Taquari. O alvo foi a agência do Sicredi. O ataque ocorreu por volta de 0h15. A quadrilha quebrou o vidro do banco com uma marreta e colocou explosivos nos caixas eletrônicos.

Os três equipamentos foram explodidos. A suspeita é que o dinheiro tenha sido levado. Ainda não há confirmação se o cofre do banco foi arrombado também. A cidade, de pouco mais de 6 mil habitantes, não tinha policiamento no momento do ataque, assim como ocorreu na véspera em Jari, na região Central do Estado, quando agências bancárias foram atacadas.

O Comando da Brigada Militar do Vale do Taquari foi informado sobre o ataque devido ao sistema de alarme da agência e após receber ligações de moradores. Ao menos quatro bandidos participaram do assalto. Eles portavam armas longas, inclusive fuzis.

Disparos foram realizados para o alto no momento do crime. A quadrilha estava em dois veículos, um Kia Soul e uma Ecosport. Na fuga, duas pessoas foram levadas como reféns. Elas foram colocadas no capô de um dos veículos, mas liberadas sem ferimentos na saída da cidade.

As vítimas relataram que os assaltantes aparentavam estar tranquilos e a polícia acredita se tratar de um grupo organizado e com prática nesse tipo de crime. Na rota de fuga, os criminosos viram uma viatura estacionada em frente a um posto da Brigada Militar e atacaram o veículo. Um dos pneus da viatura foi destruído. A polícia ainda não sabe se os bandidos atiraram no pneu ou se usaram uma espécie de explosivo.

A quadrilha conseguiu fugir. A agência foi isolada e a perícia será realizada neste sábado. A Brigada Militar faz buscas.

Nenhum comentário: