domingo, 11 de junho de 2017

Criminosos invadem casa e matam quatro a tiros em Caxias do Sul







Quatro pessoas foram assassinadas a tiros e tiveram os corpos carbonizados em um incêndio criminoso na madrugada deste domingo (11), em Caxias do Sul, na Serra. A chacina ocorreu no número 3160 da rua João D’Andréa, no bairro Pioneiro.
Conforme a Brigada Militar, o local era um ponto de venda de drogas e foi invadido por volta da 1h da manhã. As quatro vítimas foram executadas com vários disparos de arma de fogo realizados pelos autores do crime. Após, para dificultar a investigação, o local foi incendiado.
Um morador, que não quis se identificar à reportagem, estava deitado quando ouviu o barulho do arrombamento da casa ao lado. Ele relata que os assassinos disseram ser da polícia e mandaram todas as pessoas que estavam no local deitarem no chão. Depois, conta, vieram cerca de 40 disparos de arma de fogo.
Após matarem as quatro vítimas, os executores começaram um incêndio na tentativa de encobrir as provas da chacina. Casas vizinhas por pouco não foram consumidas pelas chamas, que foram controladas após trabalho do Corpo de Bombeiros. Três caminhões foram usados no combate ao fogo.
As quatro vítimas fatais estavam todas em um mesmo cômodo, dispostas lado a lado. A perícia  teve dificuldade de encontrar vestígios por causa das chamas e da água usada para combater o incêndio, que “lavou” a cena do crime. Documentos também não foram encontrados.
Nenhuma das vítimas foi identificada até o momento por causa da carbonização dos corpos. Apenas uma perícia técnica poderá identificar as vítimas e descobrir se elas morreram por causa das chamas ou dos tiros.
Ainda não há suspeitos para o crime que chocou a comunidade caxiense. A Polícia Civil já abriu investigação para apurar a chacina, mas ainda não há suspeitos.

Nenhum comentário: