quinta-feira, 27 de abril de 2017

Integrante de associação criminosa familiar de São Luiz Gonzaga foi preso pela Polícia Civil



Foi preso nesta quinta-feira (27) pela Polícia Civil o décimo acusado de integrar uma associação criminosa formada por um núcleo familiar bastante conhecido em São Luiz Gonzaga. Segundo a delegada Elaine Maria Schons, a ação faz parte de uma investigação que durou mais de um ano. A prisão preventiva é sequência do trabalho que resultou nas prisões, também preventivas, realizadas no início de janeiro deste ano. 

Os trabalhos tiveram seguimento com a prisão de um casal que assumiu o ponto de venda de drogas, após a prisão dos antigos moradores, seus familiares. Além disso, a matriarca se apresentou na última segunda-feira, para cumprimento do mandado de prisão preventiva, após um período em que esteve foragida. "Hoje, portanto, foi preso o último integrante em investigação do grupo familiar", destaca a delegada. A atuação do grupo era na Vila Floresta.

Elaine destaca a importante participação de integrantes da Brigada Militar, que já auxiliaram na investigação. Foi a terceira prisão realizada hoje pela polícia. Mais cedo, dois homens foram presos em Porto Xavier, acusados de roubo e tentativa de homicídio. 

Nenhum comentário: