quinta-feira, 27 de abril de 2017

Homem acusado de abusar de três filhas é condenado a mais de 70 anos de prisão em Tupanciretã


O juiz Marco Luciano Wachter condenou a 70 anos e meio de prisão um homem acusado de estuprar as três filhas e engravidar uma delas – duas vezes -, em Tupanciretã. Os crimes ocorreram, conforme o relato das vítimas, entre 2009 e 2013, na localidade de Assentamento Cachoeira.
As menores, com idades entre 12 e 15 anos, sofreram estupro e abuso sexual de forma reiterada, dentro da casa da família. O processo detalha, ainda, que as vítimas eram amordaças, amarradas e ameaçadas de morte em meio às agressões, que ocorriam sempre que a mãe saia para trabalhar. O caso veio à tona depois que a mais velha tomou coragem e denunciou a situação.
No inquérito policial, o homem negou as acusações. Exames de DNA comprovaram, porém, que ele é pai de duas crianças, fruto dos estupros que cometia contra a menina mais velha.
O processo tramita em segredo de Justiça. Cabe recurso da decisão.C

Nenhum comentário: