sábado, 15 de abril de 2017

Em Alegrete,nível do rio Ibirapuitã começa a estabilizar, mas Defesa Civil segue em alerta



Depois do ápice em que chegou a 11,54metros o rio Ibirapuitã em Alegrete registra o início do recuo no final da manhã deste sábado(15). Às 13h46min o nível estava 11,52metros, baixando na ordem de 1cm/h. Um sinal importante para as equipes que estão trabalhando nas últimas 48h de forma incansável junto a Defesa Civil.
Mais de 2mil pessoas continuam fora de suas casas e estão sendo assistidas pela Defesa Civil.Mais de 2 mil pessoas tiveram o auxílio da Defesa Civil, voluntários e Exército.
Deste número 500 pessoas estão desabrigados, ou seja, estão em locais destinados pela município que são o Ginásio Osvaldo Aranha, a Escola Eurípedes Brasil Milano e o IRMA, localizado na Vila Nova e 1 mil 600 pessoas desalojadas, onde foram deslocadas, por sua vontade, para as casas de familiares, amigos, igrejas ou optaram por ficar em barracas.
Os bairros mais afetados são: Macedo, Vila Nova, Santo Antônio, Vila Isabel, Canudos, Promorar, Ibirapuitã, Medianeira e São João. Cerca de 500 casas submersas.
A equipe responsável pela alimentação, até o momento forneceu 1 mil refeições ao dia(2)  (café, almoço e jantar) aos afetados.
Todas as equipes mantém o ritmo de trabalho e prontidão, principalmente, pela previsão de chuva. Mesmo que o volume seja baixo é uma preocupação para os que ainda estão em suas casas, nas áreas de risco, e para aqueles que precisam retornar.
A precipitação para este sábado(15), conforme Climatempo é de 8mm. Chuvas rápidas durante o dia e à noite. Mínima de 18°C e máxima de 26°C.

Nenhum comentário: