sexta-feira, 3 de março de 2017

Preso há 5 meses, Eduardo Cunha mantém frieza e impressiona assistente



Desde que chegou ao Complexo Médico Penal, em Pinhais, no Paraná, o deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB) "não mostra abatimento algum. Nunca sorriu, nunca chorou, nunca deu uma gargalhada". Ao ser informado sobre um acidente sofrido pela sua mulher, a jornalista Claudia Cruz, que fraturou a perna e teve que ser submetida a uma cirurgia, o político teria dito apenas "ok, obrigado" ao seu informante.

Os relatos foram fornecidos por um assistente da defesa do ex-deputado, que costuma acompanhar as suas audiências. Segundo ele, a frieza de Cunha é "impressionante".
"Cunha é um homem impassível. Não mostra abatimento algum. Nunca sorriu, nunca chorou, nunca deu uma gargalhada. Ele é hoje igual à pessoa que conduziu a sessão do impeachment [da ex-presidente Dilma Rousseff]. A frieza dele é uma coisa que impressiona", relatou o assistente.
Cunha também recebe constantes visitas da filha, que é advogada e pode solicitar audiências com ele fora dos horários das visitas tradicionais. E, como os demais presos, pode almoçar fora da cela com familiares.

Nenhum comentário: