quinta-feira, 23 de março de 2017

Jovem de 17 anos morre após sofrer infarto em Condor



O jovem William Ronzani, nascido em 26 de Outubro de 1999, morreu nesta terça-feira (21) vítima de um infarto em Condor.

Segundo a mãe do jovem foi relatado pelos médicos do Hospital da cidade de Condor que foi uma fatalidade cardíaca que o levou a óbito, um infarto e não um choque em uma betoneira como se havia cogitado anteriormente.

O caso gerou grande comoção entre amigos e familiares, que expressaram sentimentos de pesar em uma rede social, e também chamou a atenção para a incidência de casos do gênero entre jovens e adolescentes.

Segundo especialista consultada sobre o ocorrido, é comum pensarmos que problemas cardíacos são inerentes à fase adulta, mas jovens, adolescentes e até crianças também podem sofrer com doenças que afetam o bom funcionamento do coração.

Segundo ela, é possível identificar se uma criança tem propensão a problemas cardíacos, se houver antecedentes familiares de cardiopatias congênitas, doença coronariana, aterosclerose, infarto do miocárdio e morte súbita.

“Os pontos a serem observados são os cuidados com a prevenção do risco cardíaco, mantendo uma dieta adequada e atividade física regular, além da avaliação da curva de crescimento [peso e altura] ao longo da infância”, afirma.

“Alguns fatores de risco que podem levar a um infarto em jovens são anomalias congênitas de coronárias, aterosclerose, cardiomiopatias hipertróficas e arritmias", ressalta.

Nenhum comentário: