terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Marina dirá que é Isabela em 'A lei do amor'

Marina (Alice Wegmann) (Foto: TV Globo)

Marina (Alice Wegmann) dirá a Tião (José Mayer) que é Isabela (Alice Wegmann) nos próximos capítulos de "A lei do amor". Mas tudo não passará de uma armação de Magnólia (Vera Holtz) para conseguir uma prova contra o marido.
A vilã pedirá a ajuda de Marina para obter uma confissão do empresário. Ela mandará a massagista revelar que é Isabela para confrontar Tião e fazê-lo assumir que foi o responsável pelo sumiço da garçonete.
- O meu casamento é de fachada. Só me casei com o Tião porque fui vítima de uma chantagem imunda. O Tião forjou provas que me colocam como mandante do terrível atentado que meu primeiro marido sofreu. E a única maneira que eu tenho de escapar deste homem é conseguir provas que o incriminem no caso da Isabela e do Zelito (Danilo Ferreira). Porque então ficarei em pé de igualdade com ele! Se o Tião fizer uso das provas forjadas, usarei as minhas, que não serão forjadas - contará Magnólia.
Marina, então, aceitará participar do plano. Ela aparecerá na casa de Tião e afirmará que conseguiu provas contra ele:
- O senhor estava certo desde o começo. Eu sou a Isabela.
O vilão ficará perplexo e a jovem garantirá que fingiu ser outra pessoa para ganhar tempo. Magnólia ficará escondida filmando toda a cena. Tião questionará quais evidências a moça tem para incriminá-lo.
- Amanhã o senhor vai saber. Aliás, todo mundo, incluindo a polícia! E nem pense em fazer alguma coisa contra mim. Seria sua confissão definitiva - avisará a funcionária de Gigi (Mila Moreira).
- Se você conseguiu reunir todas essas provas... O que você está fazendo aqui? Por que não foi direto ao Doutor Celso (Marcelo Várzea) e entregou a ele tudo o que descobriu? Pra que se expor? Pelo prazer de ver a minha cara diante da derrota?
O banqueiro ainda mentirá e jogará a culpa em Tiago (Humberto Carrão):
- Você não se lembra porque desmaiou. E quando ele te viu ali caída, ficou com medo que você estivesse morta, se afobou e te jogou ao mar. Na verdade, não queria te matar. Mas ficou tão transtornado que acabou metendo os pés pelas mãos.
-  E como o senhor sabe que foi isso que aconteceu?
- Simples. Ele veio pedir minha ajuda.
Tião explicará que foi de helicóptero para Ilhabela e ordenou o sumiço da lancha antes de a equipe da perícia chegar.
- E o Zelito? Também foi o Tiago? - questionará Marina.
- Aí eu não sei. O rapaz se meteu a investigar e, de alguma forma, ele descobriu o que o seu namorado fez e também que eu o ajudei. Tanto que primeiro foi à casa do Tiago e depois entrou no meu escritório e fez o maior escândalo.
A massagista continuará provocando Tião para conseguir alguma informação, mas ele não cairá na armadilha:
- Estou dizendo o que aconteceu. Inclusive, assumindo algumas culpas. Que não vão me levar pra cadeia, porque tenho os melhores advogados do país à minha disposição, e ainda a opção de me negar a contar à polícia o que contei a você. Mas, já que você queria saber a verdade... é essa. Quem tentou matar você foi o seu amado Tiago. E o pobre Zelito foi vítima da vida desregrada que levava. A não ser que o Tiago também tenha alguma coisa a ver com isso. Mas duvido que ele chegasse a tanto! Posso te dar um conselho? Perdoe-o. Esqueça essa história e toque sua vida.
- Esquecer, claro! Afinal, a última coisa que o senhor quer é um escândalo.
- Meu bem, eu já enfrentei vários escândalos e saí incólume de todos eles. Quer ir adiante com as suas “provas”? Pode ir! Só não se esqueça que o que você fez configura falsidade ideológica.  E seria uma ironia e tanto o Tiago e eu sairmos livres e você terminar na cadeia.
Marina itrá embora e Tião ficará pensativo:
- Será que ela estava falando sério? Ou será que me expus desnecessariamente. Se estiver blefando, essa menina é uma jogadora e tanto...

Nenhum comentário: