quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Em busca de audiência, Globo descarta 12 capítulos de “O Outro Lado do Paraíso”



A Globo não está mesmo poupando esforços para melhorar a repercussão de sua atual novela do horário nobre, “O Outro Lado do Paraíso”.
De acordo com Patrícia Kogut, o canal carioca realizou tantas modificações na edição original dos episódios escritos por Walcyr Carrasco que praticamente 12 capítulos inteiros já foram descartados.
O objetivo, conforme já divulgado, é conferir ritmo à saga de Clara (Bianca Bin), encurtando a primeira fase da história e acelerando a chegada da segunda fase, quando ocorrerá uma passagem de tempo de dez anos e a heroína retornará rica e poderosa para se vingar de Sophia (Marieta Severo).
A mudança foi determinada após a realização do primeiro grupo de discussão de “O Outro Lado”, na semana passada. A Globo entendeu que diversos telespectadores consideravam excessiva a carga dramática da história nesses primeiros capítulos, centrado nas agressões de Gael (Sérgio Guizé) contra Clara e em temas polêmicos, como o racismo de Nádia (Eliane Giardini) contra Raquel (Érika Januza) e a homossexualidade enrustida de Samuel (Eriberto Leão).

Adriana Ancelmo perde direito à prisão domiciliar e vai voltar pra cadeia



A maioria dos desembargadores do Tribunal Regional da 2ª Região (TRF-2) votaram para que a ex-primeira dama do Rio, Adriana Ancelmo, retorne para a cadeia. A decisão de 3 votos a 2 foi tomada na tarde desta quinta-feira. 
Para que a prisão preventiva fosse restabelecida, eram necessários pelo menos 3 votos, já que o julgamento é composto por cinco desembargadores. Votaram a favor do retorno de Adriana para a cadeia os desembargadores Marcello Granado, relator, Abel Gomes e Paulo Espírito Santo. Já Simone Schreiber e o presidente da sessão, Ivan Athié, votaram pela manutenção da prisão domiciliar. 

O advogado de Adriana, Renato de Moraes, disse que vai recorrer da decisão no Superior Tribunal de Justiça (STJ). 
A procuradora regional da República, Mônica de Ré, informou que o mandado de prisão preventiva será expedido ainda hoje pelo TRF-2 e encaminhado para a Polícia Federal "para ser cumprido o quanto antes". Adriana deve ser encaminhada a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica. 

Trabalho de reconstrução da ponte de Jaguari continua intenso



O trabalho de reconstrução da ponte no rio Jaguari que está sendo executado pela empresa EcoPontes continua intenso. Equipes de trabalho, segundo o engenheiro Rafael Dionísio da empresa paulista, atuaram no final de semana que passou com o objetivo de concluir a substituição de chapas corroídas por novas chapas mais espessas, além de efetuarem a pintura de proteção.

Na última segunda (20), começou o processo de colocação do novo piso da ponte. A empresa paulista EcoPontes - contratada para executar a obra de reconstrução da ponte Júlio de Castilhos em Jaguari -, iniciou a primeira fase deste processo, colocando uma espécie de forma, denominada Steel Deck.

"Posteriormente iremos colocar a armação do novo tabuleiro e, por fim o concreto", explicou o engenheiro residente da empresa de Presidente Prudente que está executando a obra.

Land Rover sai da pista e cai em barragem na BR 290 em Alegrete



Um casal saiu ileso de um acidente na BR 290. Conforme informações, a motorista  perdeu o controle da direção, invadiu a pista contrária e saiu da rodovia. A Land Rover caiu numa barragem.
Além da mulher na carona estava estava um homem. O casal viajava de Porto Alegre com destino a Uruguaiana. O acidente foi no Km 648, da BR 290, cerca de 66 km de Alegrete.
A Polícia Rodoviária Federal de Uruguaiana atendeu a ocorrência na manhã desta quinta-feira(23). A caminhoneta não teve condições de rodar e foi retirada  do local pelo guincho e conduzida a Alegrete.

Falha em serviço de manutenção da RGE Sul deixa Santa Maria sem luz

Um defeito num serviço de manutenção da linha de distribuição de energia elétrica de Santa Maria, está ocasionando falta de luz no município nesta quinta-feira (23).  De acordo com a RGE Sul, o fornecimento de energia foi suspenso por medida de segurança até que a rede seja recomposta para que seja religada sem danos.

A RGE Sul informa que na tarde desta quinta-feira, durante a manutenção de uma linha de distribuição na cidade de Santa Maria, ocorreu um defeito na rede que ocasionou uma falha no serviço. Para evitar maiores danos e como medida de segurança, o fornecimento de energia foi suspenso até que a rede seja recomposta. Neste momento, equipes pesadas estão no local com maquinário para restabelecer a energia no menor tempo possível. A previsão é de que até o começo da noite todos os clientes estejam novamente abastecidos.